unhas da mão direita

zoso123
Mensagens: 4
Registrado em: Sáb 12 Abr 2008, 16:07

Re: unhas da mão direita

Mensagem por zoso123 » Sáb 12 Abr 2008, 16:14

unhas grand eé o q rola

Andre Miranda
Mensagens: 20
Registrado em: Ter 15 Abr 2008, 11:37
Localização: Évora (Portugal)

Re: unhas da mão direita

Mensagem por Andre Miranda » Qui 17 Abr 2008, 10:16

Caro amigo, o grande problema das unhas é a forma como nos habituamos a tocar....é claro que se te habituas a tocar com as unhas grandes, quando as coras não vais conseguir....
Não nos podemos esquecer que toda a postura está relacionada com as informações que transmitimos ao cérebro. Ao cortares as unhas alteraste imediatamente a forma de colocação da mão e a forma de ataque nas cordas....

Tens de procurar é a forma mais como te sentes mais à vontade a tocar e mais confortável, para alem de verificares qual o formato das unhas com o qual consegues ter melhor som!!!

É uma busca permanente, que demora bastante tempo a encontrar!!!!

Eu tenho as unhas em forma de "capitão Gancho" imaginas os problemas que tenho??? com calma vou encontrando a melhor forma para cada uma delas, pk o importante, repito novamente, é o conforto e o som!!!

Espero que tenha ajudado....

donbajaja
Mensagens: 18
Registrado em: Sáb 19 Abr 2008, 20:10

Re: unhas da mão direita

Mensagem por donbajaja » Seg 21 Abr 2008, 17:48

Bem lembrando do mestre Francisco Tárrega, um revolucionário na arte violonística, penso o seguinte:
Devemos levar em conta sempre a interpretação, e consequentemente pensarmos na "alma da música".
A questão de usar unhas ou não, é muito pessoal, eu gosto de unhas curtas, as vezes eu as lixo totalmente, e também uso unhas grandes(mais ou menos 5 milímetros a partir das pontas dos dedos). Creio que isso deve acontecer de acordo com o estilo de música que estou tocando na época. Então a minha dica é que devemos tocar e sentirmos a música, se conseguirmos a expressão que procuramos, i.e. timbre volume, e outros atributos sonoros, então temos que manter as unhas ou não de acordo com esses parâmetros aferidos, e, final e principalmente temos que consultar nossos ouvidos e comodidade física. Se estiver tudo afinado,... aí está o grande segredo , o resto é estética. abraços.
P.S. o Tárrega achava que as unhas distanciavam, muito, os dedos das cordas e por isso, não sentindo as cordas na carne ele dizia que a interpretação ficava sem o sentimento que ele queria imprimir : bye: