sujeira das cordas

FernandoSor
Mensagens: 1111
Registrado em: Ter 01 Nov 2005, 15:29

Mensagem por FernandoSor » Qua 08 Ago 2007, 23:18

Amadan escreveu:3- Trocar as cordas, pelo menos com 1 semana de antecedência, antes de uma audição importante.
Legal. Só acho que essa 3 aí é muito. Recomendaria um dia antes para garantir que a afinação segure bem.
Mas tudo vai de quanto tempo vc pratica. Numa época que eu estudei com afinco, 1 semana é mais ou menos o que durava as cordas...

Amadan
Mensagens: 769
Registrado em: Qua 27 Jun 2007, 04:41
Localização: Lisboa - Portugal

Mensagem por Amadan » Qui 09 Ago 2007, 00:13

FernandoSor escreveu:
Amadan escreveu:3- Trocar as cordas, pelo menos com 1 semana de antecedência, antes de uma audição importante.
Legal. Só acho que essa 3 aí é muito. Recomendaria um dia antes para garantir que a afinação segure bem.
Mas tudo vai de quanto tempo vc pratica. Numa época que eu estudei com afinco, 1 semana é mais ou menos o que durava as cordas...
Depende da técnica usada para trocar as cordas. Pessoalmente quando troco, afino 2 tons acima do diapasão e deixo assim algumas horas, para voltar a afinar ao mesmo nível.
Quando a afinação das cordas estabiliza no nível do diapasão, então os ajustes serão menores e o violão está apto a ser tocado.
Já tive de trocar uma corda em cima da hora, devido a um acidente, e ela sempre caía, mesmo durante a execução de uma música.
Mas cada um tem as suas preferências. Para mim, uma semana é quanto uma corda demora a abrir o som, até lá vem com "cheiro" de fábrica, o que me desagrada. Mas isto são preferências pessoais e não um guia.
Um abraço

FernandoSor
Mensagens: 1111
Registrado em: Ter 01 Nov 2005, 15:29

Mensagem por FernandoSor » Sex 10 Ago 2007, 14:51

Amadan escreveu:
FernandoSor escreveu:
Amadan escreveu:3- Trocar as cordas, pelo menos com 1 semana de antecedência, antes de uma audição importante.
Legal. Só acho que essa 3 aí é muito. Recomendaria um dia antes para garantir que a afinação segure bem.
Mas tudo vai de quanto tempo vc pratica. Numa época que eu estudei com afinco, 1 semana é mais ou menos o que durava as cordas...
Depende da técnica usada para trocar as cordas. Pessoalmente quando troco, afino 2 tons acima do diapasão e deixo assim algumas horas, para voltar a afinar ao mesmo nível.
Quando a afinação das cordas estabiliza no nível do diapasão, então os ajustes serão menores e o violão está apto a ser tocado.
Já tive de trocar uma corda em cima da hora, devido a um acidente, e ela sempre caía, mesmo durante a execução de uma música.
Mas cada um tem as suas preferências. Para mim, uma semana é quanto uma corda demora a abrir o som, até lá vem com "cheiro" de fábrica, o que me desagrada. Mas isto são preferências pessoais e não um guia.
Um abraço
Realmente, tem corda que fica melhor depois de um dia tocando. A Augustine às vezes me parece assim. A D'Addario, em especial, no início é muito aguda e estridente. Depois de uns dias perde isso e fica melhor, mas aí vai perdendo o brilho dia-a-dia. A Hannabach perce que em poucas horas já vai perdendo o brilho e ficando ruim. Depois de poucos dias acho que já não serve.

Sobre afinar 2 tons acima, recomendo consultar o luthier do seu violão. Acho que dois tons é muito e pode prejudicar o tampo. O meu luthier não recomenda fazer isso...

É importante também o jeito que se colocam as cordas. Eu coloco e afino no tom certo. Toco bastante, meto a mão, axagero nos vibratos, faços alguns "bends" e vou acertando a afinação. De um dia para o outro já estabiliza.

Nuno Correia
Mensagens: 22
Registrado em: Sex 10 Ago 2007, 15:22
Localização: Portugal, Fernão Ferro

Limpeza das cordas

Mensagem por Nuno Correia » Sex 10 Ago 2007, 15:37

Costumo usar uma camurça natural, em vez das sintéticas ou flanelas, dado não ficar resíduos nas cordas e prolonga o tempo de vida das mesmas... Em relação ao "verdete" que as mesmas apresentam passado algum tempo, o que eu faço é proceder imediatamente à sua substituição.
Tenho como prática a limpeza da escala e das cordas da guitarra, após tocar cada música, e também guardo a camurça a envolver as cordas no estojo, isso sem duvida alguma prolonga o tempo útil das cordas!
Agora, usar alcóol e ferver cordas! Isso nunca fiz... para melhorar o timbre das cordas uso a técnica da mão esquerda...(pois é sou canhoto/ esquerdino)... e arranjo as unhas.
Um abraço e todos!
Nuno Correia (Portugal)

Nuno Correia
Mensagens: 22
Registrado em: Sex 10 Ago 2007, 15:22
Localização: Portugal, Fernão Ferro

Mensagem por Nuno Correia » Sex 10 Ago 2007, 15:45

Concordo com o Fernando Sor!
A afinação das cordas de nylon da guitarra tem muito a ver como se colocam as cordas...
Quando procedo à substituição das mesmas, coloco a afinação a 440hz, toco com elas e estico-as, mas só passado 1 dia é que elas vão ao lugar!
Não subo mais 1 ou 2 tons...
Com as cordas de aço ou bronze a história é outra, passados 5 minutos, as cordas da guitarra já se encontram afinadas.
Também ter a ver com a qualidade do instrumento, com as condições de temperatura e humidade!
Nuno Correia (Portugal)

Amadan
Mensagens: 769
Registrado em: Qua 27 Jun 2007, 04:41
Localização: Lisboa - Portugal

Mensagem por Amadan » Sex 10 Ago 2007, 16:38

Nunca consegui uma afinação estabilizada após 1 dia de colocação.
E Afinar 2 tons acima (em cordas de nylon novas) não esforça o tampo do violão. Como as cordas são novas, a tensão aplicada às mesmas nunca é muito elevada.
Uma coisa que deve ser evitada é esticar as cordas contra os trastes, isso fere a corda e diminui-lhe o tempo de vida.

Nuno Correia
Mensagens: 22
Registrado em: Sex 10 Ago 2007, 15:22
Localização: Portugal, Fernão Ferro

Mensagem por Nuno Correia » Dom 12 Ago 2007, 18:02

É verdade! esticar as cordas contra os trastes certamente diminui o tempo de vida das cordas e fere-as concerteza...
O que eu queria dizer em relação ao esticar as cordas, tem a ver com momento da sua colocação, de forma a não deixar as cordas lassas nos carrilhões... isso resulta numa melhoria da própria afinação!
Um abraço
Nuno Correia (Portugal)

Piterson Pereira
Mensagens: 3
Registrado em: Sáb 11 Out 2008, 20:01

Re: sujeira das cordas

Mensagem por Piterson Pereira » Sáb 11 Out 2008, 20:14

Passar uma franela depois que tocar resolve bastante o Poblema