idade de início - condiciona resultados ?

Alexander Boechat
Mensagens: 20
Registrado em: Seg 29 Ago 2005, 18:50
Localização: Belo Horizonte

idade de início - condiciona resultados ?

Mensagem por Alexander Boechat » Sáb 03 Set 2005, 13:05

Caros amigos amantes das cordas,

Todas as histórias de vilonistas e guitarristas que conheço se iniciaram quando tinham 6 ou 7 anos de idade e às vezes até antes. Será que a idade de início condiciona os resultados que o instrumentista vai obter? Será que alguém que começa depois dos 30 anos, por exemplo, conseguirá ser pelo menos um bom violonista (considerando que se esforçará), ou será que seu tempo já passou?
Essa dúvida realmente me incomoda.

Helder P Bello

Mensagem por Helder P Bello » Sáb 03 Set 2005, 15:18

Alexander Boechat

Bem ... obviamente, o instrumentista que teve seus primeiros contatos com a música ainda na infância, obterá melhores resultados do que o que começou como adulto. Mas nada impedes alguém que começou seus estudos já depois de maduro, de ser um bom instrumentista. Apenas terá que dispendiar de mais tempo. Eu tive meus primeiros contatos com o violão com 8 ou 10 anos. Mas somente aos 16, foi que resolvi estudar o erudito. Creio que nada impeça uma pessoa de 30 (ou mais) de começar seus estudos, e em pouco tempo, tornar-se mais perspicaz do que eu que já estudo há alguns anos. Vai depender do seu empenho no instrumento. Da sua dedicação. Da sua disciplina. Enfim ... o tempo só passa na sua cabeça. Sinta-se com 20 anos, e 20 anos terás. Sinta-se com 60, e com certeza, 60 aparentarás.

Abraços.

zina
Mensagens: 69
Registrado em: Qua 25 Mai 2005, 16:33
Localização: Portugal

Mensagem por zina » Ter 06 Set 2005, 02:40

exactamente :wink:

Absolon
Mensagens: 272
Registrado em: Qua 06 Jul 2005, 20:41
Localização: São Vicente

Passei por isso....

Mensagem por Absolon » Ter 06 Set 2005, 13:49

Alexander, eu também passei por isso no início. Comecei a tocar com 19 anos e hoje estou com 22. Muitos diziam que essa não era mais idade de começar a tocar o intrumento. Atualmente, depois de me assistirem a tocar obras como "Greensleeves" arr.Isaías Sávio, "Mimuet II" de Lenard Von Call, "Adantino em Ré menor" de Napolen Coste, "Borrée BWV 996 " de Johan Sebastian Bach os camaradas dos tempos de rock perceberam sim que é possivel aprender depois de mais adulto, todavia isso requer dedicação diária e um método de aprendizagem eficaz.No caso o metodo no qual aprendo é baseado em aulas coletivas.Isso mesmo, aulas coletivas!
Muitos acham que isso é furada, porem se assim fosse eu não tocaria bem essas obras acima citadas.A prefeitura de Santos há 35 anos oferece esse curso com este método e, ele aliado a minha dedicação troxeram-me frutos inimagináveis no apredizado do instrumento.
No curso, não se limitaram a ensinar-me só o Violão, mas sem dúvida a "Sensibilização Artistica através do mesmo".

Leia com atenção as seguintes frases;

"...Se eu deixo de praticar um dia, eu percebo.Se deixo de praticar dois dias, meus colegas percebem.Se deixo de praticar três dias, o público percebe!...." Arthur Rubstein (Polonês naturalizado Norte-Americano)

"...Gênio é 10% de talento e 90% de trabalho." Frederic Chopin.

"...Se eu estiver inspirado, escrevo duas páginas, se eu não estiver inspirado, também escrevo duas páginas." José Saramago (Chileno- poeta)

"....Com calma e com alma..." Coordenador do Curso de Violão em Santos Maestro Antonio Manzione.

Todas estas frases foram ditas pelos professores que lecionam para mim atualmente.
Reflita, pense e vá em frente!!!!!

Até mais!!!!!!!

Alexander Boechat
Mensagens: 20
Registrado em: Seg 29 Ago 2005, 18:50
Localização: Belo Horizonte

Mensagem por Alexander Boechat » Ter 06 Set 2005, 17:43

Amigos, agradeço as palavras de incentivo.
Vejo que no meio erudito os pensamentos também são eruditos e é desse meio que quero fazer parte. Tenho 35 anos e tenho estudado também para passar em um concurso de nível superior, por isso o tempo é curto. Música não é minha profissão hoje, mas espero poder atuar na área de aguma forma num futuro não muito distante, nem que seja me apresentando prá família. Muito obrigado.

Cicuto
Mensagens: 31
Registrado em: Ter 30 Ago 2005, 21:42
Localização: Sinop - Mato Grosso

Mensagem por Cicuto » Dom 11 Set 2005, 19:35

Acredito que a idade influência bastante no tempo de aprendizagem, mas o resultado final poderá ser o mesmo que alguem que começou mais tarde, na dependencia do tempo e dedicação.

Minha filha começou este ano a estudar violão, ela tem 8 anos, e realmente o progresso é muito rápido, vamos ver o resultado final.

Absolon
Mensagens: 272
Registrado em: Qua 06 Jul 2005, 20:41
Localização: São Vicente

Palavras

Mensagem por Absolon » Sex 23 Set 2005, 16:37

As palavras são como pássaros numa gaiola, quando saem nunca mais voltam, assim o que eu disse, ratifico! Porém respeito opiniões divergentes a que expus na resposta acima, todavia não posso deixar de falar ainda que eu não tenha crédito!

Até mais!!!!!

Fábio Melo

Mensagem por Fábio Melo » Sex 23 Set 2005, 17:33

Gostaria de contar minha experiencia: estudei violão erudito dos 12 aos 17 anos intensamente. Parei por 16 anos(faculadade + trabalho) e agora c/ 30 anos voltei e estou impressionado como em pouco tempo voltei à forma antiga. Não sou profissional, mas estou achando ótimo!! abraço!

Absolon
Mensagens: 272
Registrado em: Qua 06 Jul 2005, 20:41
Localização: São Vicente

Este é o caminho!

Mensagem por Absolon » Ter 27 Set 2005, 15:06

Parabenizo por sua integração com o instrumento novamente, continue "Firme e Forte" nos estudos!

Até mais!!!!!!

marcoshrts

Mensagem por marcoshrts » Qua 28 Set 2005, 00:52

Creio que música é em grande parte fruto da persistência e do amor pelo instrumento que se estuda.. Sendo assim, acho que quem começa mais cedo tem muito mais chance de se tornar um virtuoso, o que não impede que alguém se inicie mais tarde e mesmo assim chegue lá !!!

nitsuga
Mensagens: 12
Registrado em: Ter 27 Set 2005, 17:06

Influencia sim

Mensagem por nitsuga » Seg 03 Out 2005, 18:29

Bom, não quero desanimar ninguém, mas penso, baseado em minha experiência que a idade influencia sim (apesar de eu começar a estudar violão tarde).

Não influencia na capacidade de assimilação, não é isso, um adulto pode aprender muito bem qualquer instrumento. Mas se vc almeja ser um profissional e começa tarde, sai em desvantagem, pois demora pelo menos de três a quatro anos para uma pessoa adquirir um domínio satisfatório do instrumento. Alguns dizem que demora uma década para se pensar em uma carreira profissional. Ao passo que uma criança que começou os estudos aos 8 anos, vai chegar aos 18 ( idade que as pessoas começam a trabalhar em geral) com 10 anos de experiência nas costas, ou seja com muito mais chances de conseguir se profissionalizar do que um cara que começou aos 18 anos, que precisa se dedicar ao instrumento, e muitas vezes à um trabalho, ou à uma faculdade de direito ou qualquer outra coisa.

Que é melhor começar cedo é, tudo aponta para isso. Mas as dificuldades são feitas para serem superadas. Eu luto para superá-las pois começei tarde e enfrentei uma série de problemas. Professores incompetentes, que ao invéz de ajudar o aluno, limita-o pois tem medo de seu aluno ser melhor que ele, entre outras coisas.

Em suma Alexander, siga sua vontade, porquê arte em sua essência é volitiva e não intelectiva, empregue todas as suas forças com boa vontade e os resultados virão até você.

Abraços.

Leandro Ribeiro.

fisiomax

Acho que sim

Mensagem por fisiomax » Qua 05 Out 2005, 13:56

A idade influencia sim no aprendizado, e consequentemente no resultado final!!!
Pois quando criança, os neuronios ainda estão "verdes", e com seus potenciais de armazenamento zero bala, facilitando a absorção de informações!!!!!

Quando se está mais velho (claro que depende do que vc considera velho), os neuronios tem essa capacidade, mas é reduzida, e o adulto tambem terá seu foco desviado para outras situações, terá o estresse do dia a dia, que atrapalha na memoria e concentração!!!!!
Varios fatores interferem nesse aprendizado..........

Mas é bom lembrar da PLASTICIDADE NEURONAL, que faz com que neuronios de outras funcões cerebrais, possam assumir as funções de outros lesionados ou que sofreram degeneração, é um processo lento, mas já confirmado e muito estudado!!!!!

Mas é aquele ditado né: "ANTES TARDE DO QUE NUNCA"!!!!!!!!!!!

ipgvmusica
Mensagens: 169
Registrado em: Ter 18 Out 2005, 15:06
Localização: portugal

inicio

Mensagem por ipgvmusica » Seg 07 Nov 2005, 10:19

ok boechat, quanto mmis cedo meelhor, mas quando se tem gosto

pelo violão, não tem idade limite. um abraço do ipgv

Geraldo Victorazzi

Re: IDADE DE INÍCIO condiciona resultados ?

Mensagem por Geraldo Victorazzi » Seg 07 Nov 2005, 12:11

Alexander Boechat escreveu:Caros amigos amantes das cordas,

Todas as histórias de vilonistas e guitarristas que conheço se iniciaram quando tinham 6 ou 7 anos de idade e às vezes até antes. Será que a idade de início condiciona os resultados que o instrumentista vai obter? Será que alguém que começa depois dos 30 anos, por exemplo, conseguirá ser pelo menos um bom violonista (considerando que se esforçará), ou será que seu tempo já passou?
Essa dúvida realmente me incomoda.
Sou muito poucos os violonistas, Grande Violonistas, que começaram a tocar erudito desde o início. Começaram cedo, 6, 7, 10 anos, mas não começaram com o erudito. Se não me engano, Odair Assad, John Williams começaram direto no erudito e são excessões.

Você pode ser muito bom violonista. Depende de você. Conselho, paciência, violão erudito é paciência. Atenção à postura, calma para fazer os exercícios. Ter calma para pegar músicas mais difícies. Melhor pegar 10 músicas fácieis durante 1 ano, do que ficar tentando tocar uma música difícil durante um ano. Enfim, tenha calma, dois ou três anos bem trabalhados farão de você um instrumentista muito bom.

Abraço e sucesso.

Sandra Alves

Mensagem por Sandra Alves » Dom 02 Abr 2006, 01:26